cdl novo

Médico passa pela segunda cirurgia neurológica; estado dele continua grave

Procedimento para diminuir o edema no cérebro foi realizado no Hospital Oswaldo Cruz

DA REDAÇÃO 14 de Nov de 2017 - 11h24, atualizado às 13h56
Compartilhe
Foto: Divulgação
Pedro Caldas foi atingido por um carro na rodovia TO-050 quando acompanhava amigos em um treino de ciclismo
O ginecologista Pedro Caldas, 40 anos, passou pela segunda cirurgia neurológica nessa segunda-feira, 13, no Hospital Oswaldo Cruz, em Palmas. O procedimento foi para diminuir o edema no cérebro.

O também especialista em reprodução assistida foi atropelado nesse domingo, 12, por volta das 7 horas, na rodovia TO-050, nas proximidades do Departamento de Estradas de Rodagem do Estado do Tocantins (Dertins), em Palmas. Caldas estava acompanhando um grupo de amigos em um treino de ciclismo.

Quando ocorreu o acidente, ele foi encaminhado para o Hospital Geral de Palmas (HGP), onde foi realizado o primeiro procedimento cirúrgico.

De acordo com a unidade de tratamento intensivo (UTI) do Hospital Oswaldo Cruz, o estado de saúde de Caldas continua grave, porém está estável. Caldas sofreu traumatismo craniano e permanece em coma.

Entenda o caso
Quando ocorreu o acidente, Caldas estava acompanhando um grupo de amigos em um treino de ciclismo, quando foi atingido por um carro conduzido por uma jovem que apresentava sinais de embriaguez e não apresentou carteira de habilitação.

Além disso, estaria com a pulseira de uma festa realizada durante a madrugada em Palmas.

Comentários

Redação: Palmas, Tocantins, Brasil, +55 (63) 9 9219.5340, +55 (63) 9 9216.9026, redacao@clebertoledo.com.br
2005 - 2017 © Cleber Toledo • Política com credibilidade
ArtemSite Agência Digital