Tonolucro

Com política barrando “reajuste duro”, secretário da Fazenda entrega cargo a Marcelo Miranda

LUÍS GOMES, DA REDAÇÃO 11 de Jan de 2018 - 10h49, atualizado às 08h03
Compartilhe
Foto: Divulgação/Secom Tocantins
Paulo Antenor de Oliveira assumiu a Secretaria da Fazenda em setembro de 2016

Insatisfeito com a administração do governador Marcelo Miranda (MDB), o titular da Secretaria da Fazenda (Sefaz), Paulo Antenor de Oliveira, está entregando o cargo. Fonte palaciana próxima do secretário relatou ao CT que existe insatisfação com a política do Palácio Araguaia, que não está deixando a implantação de um “ajuste fiscal duro”. A informação do governo do Estado é de que o gestor está de férias e volta no dia 31 de janeiro.

Segundo a fonte, o secretário entende que o Tocantins deveria estar “equilibrado e investindo”, mas “questões políticas e pessoais imperam”. O gestor também estaria insatisfeito com a responsabilização da Sefaz por medidas adotadas pelo Executivo, como os aumentos e contratações mesmo o Estado estando acima do limite prudencial, disse a pessoa próxima a Paulo Antenor.

Paulo Antenor de Oliveira assumiu Secretaria da Fazenda em setembro de 2016 e vai deixar a pasta após atritos com a Assembleia Legislativa, que criticou por não apreciar matérias que reforçariam a arrecadação do Estado e por ter criado benefícios fiscais sem contrapartida, como uma isenção ao óleo diesel. Os deputados rebateram o chamando de “incompetente”. A Sefaz fica sem titular em meio ao atraso do décimo terceiro salário de parte do funcionalismo.

 

Comentários

Redação: Palmas, Tocantins, Brasil, +55 (63) 9 9219.5340, +55 (63) 9 9216.9026, redacao@clebertoledo.com.br
2005 - 2018 © Cleber Toledo • Política com credibilidade
ArtemSite Agência Digital